conteúdo do menu
conteúdo principal
03/02/2021

Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio

Nova Petrópolis encaminha o recebimento de delegações da Surdolimpíadas

Evento esportivo para surdos está previsto para acontecer de 1º a 15 de maio de 2022

COMPARTILHAR NOTÍCIA

Nova Petrópolis é um dos municípios parceiros de Caxias do Sul na organização da 24ª Surdolimpíadas, competição esportiva que reunirá atletas surdos de mais de 100 países, entre os dias 1º e 15 de maio de 2022. Dada a sua localização próxima ao município sede e à boa infraestrutura, o Jardim da Serra Gaúcha pleiteia o recebimento de delegações e até mesmo a disputa de algumas modalidades esportivas.

O prefeito Jorge Darlei Wolf vê a possível escolha de Nova Petrópolis para receber delegações e jogos como uma oportunidade única. “A projeção, nacional e internacional, que este tipo de evento oferece é fantástica. Mas não é só isso. A Surdolimpíadas seria uma grande oportunidade para Nova Petrópolis mostrar o seu potencial, seja em hospitalidade, acessibilidade, organização, e infraestrutura turística de um modo geral”, comenta o prefeito. 

O secretário municipal de Turismo, Indústria e Comércio de Nova Petrópolis, Rodrigo Santos, é cotado para integrar o comitê organizador da 24ª Surdolimpíadas. Na segunda-feira, 1º de fevereiro, ele e a diretora de núcleo Vera Klauck estiveram em Caxias do Sul para tratar do envolvimento de Nova Petrópolis no evento esportivo. 

No encontro estiveram presentes o presidente do Comitê Internacional de Esportes para Surdos (ICSD), Gustavo Perazzolo; o presidente do Comitê Plural, Emir da Silva; o secretário do Esporte e Lazer de Caxias do Sul, Gabriel Citton; o vereador Felipe Gremelmaier, e a interprete de libras, Cristiane Casara.

Para o evento esportivo são esperados mais de 4.500 atletas, divididos em 21 modalidades, além das comissões técnicas e familiares, oriundos de mais de 100 países. A Surdolimpíadas contará, ainda, com mais de 1.500 voluntários. “Acreditamos neste projeto. É a inclusão da comunidade surda com a ouvinte e vice versa. Temos um grande desafio para todos os municípios da região, já que nessa oportunidade poderemos mostrar para a comunidade internacional que a Serra Gaúcha é um dos locais mais preparados para receber o público surdo enquanto turismo”, afirmou Emir da Silva.

Para receber as delegações dos atletas surdos, a Universidade de Caxias do Sul irá oferecer um curso de libras para que o trade turístico dos municípios parceiros possa se preparar para o evento. Na oportunidade, também será ministrado um curso de gestuno - linguagem auxiliar internacional.

Santos destaca que Nova Petrópolis auxiliará no evento e está disposta a receber modalidades e delegações. “É a oportunidade para que a nossa região se conscientize sobre a inclusão e, principalmente, se prepare para o turismo acessível. Temos um segmento gigantesco que não é explorado e sabemos o quanto ele é importante. Por isso, a Surdolimpíadas vem para somar e deixará um legado muito grande para Nova Petrópolis e região”, ponderou.

Outras Notícias

Portal Destaque