Portal Destaque
conteúdo do menu
conteúdo principal
20/11/2020

Secretaria de Educação, Cultura e Desporto

Nova Petrópolis promove ações de controle do Aedes aegypti

Painel Aedes de outubro teve alteração no número de focos do mosquito

COMPARTILHAR NOTÍCIA

A Vigilância Ambiental em Saúde de Nova Petrópolis divulga a atualização do Painel Aedes e informa ações de controle do mosquito vetor da dengue, da chikungunya, do zika vírus e da febre amarela urbana nesta sexta-feira, 20 de novembro.

O Painel Aedes referente a outubro de 2020 apresenta pequena alteração no quadro de controle do mosquito no Município. Durante o mês, sete agentes de endemias inspecionaram 3.374 imóveis, foram coletadas 39 amostras, sendo analisadas 192 larvas, 35 pupas e 2 insetos adultos. Deste total, duas larvas foram identificadas como do mosquito vetor da dengue, aumentando o número de focos no Bairro Pousada da Neve. O material foi analisado no Laboratório de Entomologia da Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social.

Em outubro, a equipe da Vigilância Ambiental em Saúde realizou a coleta de pneus inservíveis de maneira gratuita para a comunidade. Ao final da campanha, aproximadamente, 150 pneus inservíveis foram recolhidos e terão a descarte correto, eliminando possíveis criadouros do mosquito.

A campanha permanente de conscientização sobre o combate ao Aedes aegypti também conta com instalação itinerante de placas informativas pelos bairros, divulgação de vídeos lúdico-informativos sobre formas de eliminação de possíveis criadouros e atualização mensal do Painel Aedes. Durante o mês de outubro, as placas informativas itinerantes estiveram no Bairro Piá; em novembro e dezembro, as placas estarão no Bairro Pousada da Neve conscientizando a comunidade.

A dengue é uma doença febril grave causada por um vírus transmitido pela picada do Aedes aegypti  infectado. Nova Petrópolis é considerada infestada pelo vetor desde abril de 2018. O principal criadouro são os reservatórios de água, como caixas d´água, toneis e baldes que muitas vezes são encontrados sem tampas ou telas na sua cobertura. A fêmea do mosquito tem preferência por água com baixa matéria orgânica e por isso a necessidade de não deixar exposto qualquer objeto capaz de acumular água limpa.

A Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social possui Laboratório de Entomologia para identificação do material coletado, conferindo celeridade à identificação das larvas e consequente ação preventiva. O Município conta com dois agentes em saúde concursados e cinco agentes em saúde emergenciais, que realizam vistorias nos imóveis a cada dois meses. Durante a pandemia, as inspeções são realizadas nas áreas externas dos imóveis, com os servidores utilizando máscaras e mantendo distanciamento seguro, conforme preconizado pelo Ministério da Saúde. Todos agentes em saúde estão devidamente identificados com uniformes e crachás e podem ter sua ação confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde em caso de dúvida.

A Prefeitura de Nova Petrópolis possui serviço de atendimento a denúncias e qualquer irregularidade deve ser comunicada à Vigilância Ambiental em Saúde. Para esclarecer dúvidas e obter mais informações, contate: (54) 3298-2665 ou ambiental@novapetropolis.rs.gov.br.

Para mais notícias sobre Nova Petrópolis acesse o site oficial do Município, www.novapetropolis.rs.gov.br. Saiba mais sobre o turismo de Nova Petrópolis em turismo.novapetropolis.rs.gov.br. Na página oficial do facebook da Prefeitura de Nova Petrópolis, facebook.com/novapetropolisrs, encontre informações atualizadas, fotos e vídeos das ações realizadas pela Administração Municipal. Siga Nova Petrópolis no Instagram @prefeituranovapetropolis e no Twitter @prefeituranp.

Outras Notícias